Mais cor, por favor!

postado por: Time Ohcarol - 6 de fevereiro de 2019

Jóias coloridas.

 

A palavra “cor” não é de fácil definição. Ela é classificada como um substantivo feminino e como uma propriedade de uma radiação eletromagnética, com comprimento de onda pertencente ao espectro visível, capaz de produzir no olho uma sensação característica. Mas, oi? Se termos relativos ao mundo da física não fazem mais parte do seu dia-a-dia, não tem problema. O importante de tudo isso é que, independentemente da significação científica ou teórica sobre a nossa capacidade de enxergar diferentes tonalidades, as cores deixam o mundo, as joias e as produções por aí muito mais bonitas. Embora sejam muito mais usadas e lembradas durante as estações mais quentes, vale investir para quebrar a sisudez e monocromia características do tempo frio.

 

A origem

 

Joias coloridas não são novidades. Muito pelo contrário. Na pré-história, antes da humanidade ter conhecimento sobre metais ou pedras preciosas, os adornos já eram confeccionados com conchas, flores, dentes de animais e pedregulhos. Embora o uso dessas peças não tivesse um propósito estético, pois muitas eram consideradas amuletos para proteção ou formas de distinção, elas ajudaram a explicar e a propagar a necessidade de decoração que nos acompanha até os dias de hoje. Ou seja, não há nada de novo sobre a Terra. No fim da era nômade, quando os nossos antepassados se fixaram e se organizaram como sociedade, descobriram os metais e as pedras preciosas. A partir daí, coroas, diademas, tiaras, pentes, brincos, piercings, anéis, colares, correntes, broches, pulseiras, braceletes – e, ufa! – pingentes começaram a fazer parte das culturas mundo afora. E ainda bem!

 

Tipos de joias coloridas

 

Para ser definida como tal, a peça precisa ser confeccionada com um material que fuja das – tradicionais – tonalidades prateadas e douradas, ou até mesmo, rosé. Sua base pode ser feita, por exemplo, de um metal ou de um tecido colorido ou multicolor. E não é só isso.

Enquadram-se também nessa categoria, joias que possuam um elemento decorativo que se diferencie, seja um pingente ou uma pedra. Ou simplesmente detalhes esmaltados. Mas calma, nem todas as gemas são coloridas. Algumas são transparentes ou de tons sóbrios como marrom e preto. Nesse caso, tornam-se automaticamente mais discretas e perdem a vivacidade que as joias coloridas trazem para o visual. No entanto, isso é relativo. Se você se jogar em um look branco monocromático, um colar de pedras pretas é o seu ponto de cor, certo?

 

Mas, como usar?

 

Toda vez que uma pergunta como essa é feita, a resposta mais certeira é: como você quiser! Incluir joias coloridas na produção pode parecer um bicho de sete cabeça para algumas pessoas e, para outras, é tão natural como a luz do dia (mas que preguiça boa, me deixa aqui… ta, parei!). Mas se esse não é seu caso, existem algumas dicas que ajudam – e muito! – a deixar o medo de lado e se jogar nessa tendência. O momento mais crucial e decisivo é o de se vestir. Você pode até ter já alguns exemplares escondidinhos dentro do seu armário. A primeira lição é entender que as cores são nossas amigas e, mais do que isso, são potenciais aliadas para fazer ainda mais bonito por aí. Quê? É isso mesmo! Ela pode ser o destaque de uma produção ou adicionar um toque de brilho em um look mais básico. Na realidade, ela ajuda a desenvolver o estilo pessoal e abre espaço para experimentações, tentativas e, claro, erros. O segundo passo é fazer combinações entre o acessório e o vestuário para, finalmente, brincar com as tonalidades de tudo o que pode ser categorizado como fashion.

 

Trabalho, diversão, social

 

Novamente, não existem regras preestabelecidas para o uso de joias coloridas em determinadas ocasiões ou eventos. O que leva-se em consideração – para a criação dos inúmeros tutoriais da internet e revistas femininas que vemos por aí – é a questão do “socialmente aceito”, caminhos já explorados para se percorrer sem errar. Ou, em outras palavras, o terreno seguro do uso das joias. Tamanhos pequenos são coringas para ambientes profissionais e como complemento para produções que, por si só, são ricas em detalhes e informações. Dessa forma, não corre-se o perigo de deixar o resultado over ou pesado. Quando falamos de joias coloridas de dimensões máxi, aí sim, são necessárias algumas precauções, principalmente porque são potenciais peças statement. Você pode optar por um visual monocromático e adicionar um acessório de contraponto. Ou pode investir em uma joia rica em detalhes para incrementar uma produção mais básica. Mas é claro, independentemente se é mini ou grande, o resultado está diretamente ligado ao material utilizado na hora da confecção. Metais e pedras dão um toque de sofisticação e elegância enquanto plástico e acrílico um quê moderno e casual.

 

É trend!

 

As joias coloridas já ultrapassaram o status de tendência e tornaram-se peças coringas para se ter sempre no armário. Entram e saem estações e esse tipo de joalheria retorna ao cenário fashion, então vale investir em acessórios de boa qualidade para fazer deles um bem durável. Seu bolso e o meio-ambiente agradecem! Para 2019, as peças com cor se mesclam com as tendências apontadas pelo mercado e, por isso, você ainda vai ver muitos exemplos e formas de uso por aí. Um deles é nas joias de tamanhos grandes que – já que são maiores – possibilitam aos designers liberdade de criação. Brincos, pulseiras, pingentes e colares vistosos ganharam os holofotes e os corações, e por isso, continuam em alta na próxima temporada, das mais diversas maneiras. Se você já é adepto ao uso, explore novos formatos, cores e dimensões. Investir em peças consideradas “fun” ou divertidas, que expressem seu estilo de vida, é uma opção. O mercado e os consumidores estão. cada dia mais, procurando por jeitos de personalizar, diferenciar e usar a moda como uma ferramenta de expressão.

 

Então é trend!

 

Ao analisar as semanas de moda internacionais, principalmente primavera/verão 2019, as peças statements são quase que unanimidade. Mas, espera, esse texto não é de joias coloridas? Sim, caro leitor, mas uma está tão atrelada com a outra que não é possível entrar no campo tendência sem unir as coisas! O site britânico Who What Wear reuniu nesta matéria as nove tendências que estaremos comprando no neste ano. E, apesar de ser possível encontrar variações coloridas dentro de cada categoria, os destaques pra quem quer investir em joias com cor são (tome nota!): peças esmaltadas, como o bracelete da Chanel e o anel da Bea Bongiasca; pulseiras com pingentes divertidos, como o abacate da Ariel Gordon e o camarão da Susan Alexandra; as flores da Les Néréides e da Marni; assim como o brinco gotas coloridíssimo da Dinosaur Designs.

 

 

 

 

 

 

 

Promoções
e Novidades

Receba no seu email, todas as ultimas novidadas e tendências em jóias.